MANCHAS NAS FOLHAS OU 

AMARELAMENTO

MANCHAS SECAS


Folhas secando podem ter diversas causas, abaixo seguem algumas possibilidades para análise:


- Secar algumas folhas velhas é normal, desde que não seja em abundância e percebemos a presença de brotos novos. No processo normal de vida das plantas nascerão folhas novas e as velhas poderão morrer, sem motivos para preocupação. Se esta for a única causa do ressecamento basta retirar as folhas feias dando uma estética mais agradável e saudável as mudas. 


- A falta de umidade também causa o ressecamento de folhas. Na maior parte das plantas o primeiro sinal será folhas murchas ou retorcidas mostrando que a muda está tentando reservar umidade em sua estrutura. Nesse caso basta regar com mais abundância ou frequência que a recuperação será rápida.


- O excesso de sol também pode secar as folhas de algumas plantas. Isso acontece quando a muda está recebendo mais sol que o suficiente ou estava adaptada a sombra e passou a receber sol de forma repentina. Uma outra causa dessas queimaduras é a mudança de estação considerando que a incidência de sol do outono/inverno é mais amena que a incidência na primavera/verão. Nesses casos uma mudança de lugar irá ajudar na recuperação. Uma observação importante é que tais queimaduras surgem, em sua maioria, no centro das folhas.


- Fertilizantes ou adubos usados em abundância, tanto em frequência quanto em quantidade, causam queimaduras nas folhagens. Normalmente essas queimaduras surgem das pontas das folhas para o centro. Caso isso ocorra aconselhamos a rega em grande quantidade na tentativa de “lavar” o solo fertilizado para diminuir o efeito indesejado.

MANCHAS ÚMIDAS


A maior parte das manchas úmidas observadas nas folhas tratam-se de fungos. Esses costumam surgir através do excesso de umidade, se espalhando através das gotículas de água que escorrem pelas folhas doentes e caem nas folhas saudáveis. 


O primeiro passo é retirar todas as folhas doentes, mesmo que contenham apenas pequenos pontos, com a finalidade de evitar o desenvolvimento da doença. Ao retirar as folhas tome o cuidado de não deixá-las em contato com outras plantas, pois também podem ser contaminadas. Depois de desfolhar o que está doente aplique produtos específicos (como fungicidas de contato ou sistêmicos) evitando que o problema volte. 


Obs.: além de isolar totalmente as folhas que contém os fungos, tome o cuidado de lavar bem as mãos, afinal esses microrganismos também podem se proliferar através do nosso manuseio.  

AMARELAMENTO


Folhas amareladas podem significar falta de nutrientes ou excesso de água. Se o caso for falta de nutrientes o problema pode ser facilmente resolvido através da adição de adubos ou fertilizantes, sendo encontrados em diversas formas direcionadas aqui na Flora ECO, como para folhagens, para flores ou frutos por exemplo. 


Se o caso for excesso de água aumente o intervalo entre as regas deixando sempre o substrato em que a planta está inserida secar totalmente antes de receber água novamente. Considerando que o solo pode secar mais rapidamente ou mais vagarosamente dependendo da época do ano, por conta do calor, sempre aconselhados que os cuidadores das plantas sintam a terra antes de fazer a rega. Nesse caso será possível verificar se ainda está úmida aumentando o espaçamento das regas, ou seco recebendo a água naquele momento.